terça-feira, 14 de maio de 2013

Olha só como tudo aqui dentro esfriou de vez. Olha só, como o céu lá fora parece cinza e nublado - ou são só meus olhos que se acostumaram e só enxergam assim? -. Olha como eu estava me refazendo, me reerguendo, me segurando até você chegar. Olha só como eu fiquei. Olha bem e diz de quem foi a culpa. Pois eu te digo, foi minha. Que de tanto te machucar, me machuquei. Agora olha bem e me diz, o que eu faço com esse resto de nada, com esse monte de tudo que sobrou. Me diz o que eu faço quando o que deveria doer não dói e o que deveria acalentar, mata.

Nenhum comentário:

Postar um comentário