terça-feira, 6 de novembro de 2012

O problema não é dizer oi. Não é nem nunca vai ser. Não vai ser problema inventar um assunto qualquer, fingir que tenho algo de importante pra falar, e no final acabar naquela mesma monotonia que eu fugi. Os começos, em tudo na vida, são inacreditávelmente bons, seja com o que for. O problema são os fins. Terminar é sempre ruim. Sempre dói. Isso com qualquer coisa. Mudar de idéia sobre algo que você sempre teve certeza, é péssimo. Sair de algo que você tanto lutou pra entrar é complicado. Sempre tem aquela sensação "eu preferia que nada disso tivesse acontecido". E eu preferia mesmo. Dar um fim no começo pode ser bem menos doloroso, pra todo mundo. Seria mais fácil se tudo tivesse acabado antes de começar. Tudo mesmo. Até eu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário