domingo, 14 de outubro de 2012

A ordem certa das coisas

Primeiro eu me empolgo, crio todas as expectativas possíveis. Depois, ainda muito empolgada, eu me decepciono. Eu sempre me decepciono. Aí eu fujo. Me escondo. Aí depois... Eu esqueço. E volto a me empolgar. E tudo vai se repetindo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário