sexta-feira, 27 de maio de 2011

Tenho dó

Me desculpem os leitores, sei que não é um bom sentimento. Diria eu que é o pior de todos. Dó. Bom, mas é isso que sinto, por eles. Acho que sempre senti num modo geral, o grupo, o que passam. Mas conheci a pouco tempo representantes típicos da área. Vi nos olhos dele cansaço. Dor. Acomodação. Pude ler em seus pensamentos, algo como "Eu queria fazer isso de forma prazerosa, eu queria ensinar com entusiasmo o que tenho pra ensinar, não isso." E nos olhos dela, vi a angústia exposta. Ela diz. Lamenta. Ninguém entende. Acho que só eu percebo. Mas, é como se ela pedisse ajuda todo vez que diz "Isso me cansa". Não ser como ajudá-la. Não sei se posso. Mas entendo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário