sexta-feira, 25 de março de 2011

O Escorpião e o Pássaro de Fogo

Era uma vez, há muito tempo atrás, um lindo Pássaro de Fogo vivia solitário na floresta. Um dia, enquanto voava, viu no chão, um Escorpião sozinho, e decidiu se aproximar. O Escorpião era tão solitário quando o Pássaro, e nunca tinha usado seu veneno para atacar ninguém. Quando o Pássaro de Fogo se aproximou, ele pensou que finalmente poderia mostrar o poder de seu veneno e toda a sua maldade, mas a medida que o Pássaro se aproximava, o fogo de suas penas ia esquentando o frio coração do Escorpião, e o queimando. O Escorpião nunca tinha se sentido tão bem com uma coisa que poderia lhe matar, e o Pássaro não se preocupou com o veneno do Escorpião entrando em suas veias. Os dois sempre foram tão solitários que não se importavam com o fato de causar um certo mal um ao outro. Eles se acostumaram com a mistura de prazer e dor, nunca mais se separaram, e morreram, um viciado no outro.


A fruta proibida é a mais apetecida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário